6 FORMAS DE REANIMAR UMA PLANTA QUE ESTÁ MORRENDO

Não desista ainda! Sua plantinha pode ser salva com algumas dicas!



Poucas coisas trazem tanta vida para um ambiente quanto as plantas. Até que, de repente, sem que você faça nada errado, suas espécies começam a murchar ou aparecem manchas estranhas. Talvez elas precisem de um novo vaso, um pouco mais de sol ou estejam sofrendo com pragas. Descubra como fortalecer a saúde das suas plantas em 6 truques básicos:


1. Trocar de vaso

Mover a sua plantinha tristonha para um novo vaso pode fazer uma grande diferença. O principal é escolher um vaso maior do que o anterior, com cerca de 3 centímetros a mais na largura. Isso pode ser suficiente para fazer as raízes crescerem mais fortes. Aprenda aqui a trocar as plantas de vaso.


2. Alimente-as melhor

As plantas também precisam de alimentos saudáveis. Que tal turbinar aquela terra antiga com uma mistura de adubos naturais de extrema qualidade? Vale usar borra de café, leite e cascas de ovo e de frutas, por exemplo. Você pode ainda criar uma composteira em casa que, além de ajudar a criar o adubo das plantas, diminuirá em até 90% o volume do lixo da sua casa.



Jardim da casa do casal de médicos Luiz Frederico Martins e Elisa Carbonell, decorado pela arquiteta Fernanda Neiva (Foto: Lufe Gomes/Editora Globo)

3. Com sol, mas nem tanto

Nós sabemos que o sol é importante para grande parte das plantas, mas quando a sua espécie já se encontra fragilizada, ser exposta diretamente ao sol forte e muito quente pode só piorar as coisas. Até que ela se recupere, aposte no sol indireto e por um curto período do dia – de preferência pela manhã.



Ervas e temperos pedem boa incidência de sol, por isso é bom mantê-los próximos às janelas (Foto: Thinkstock)

4. Não exagere na água

Um dos erros mais comuns entre os jardineiros de primeira viagem é manter a frequência de regas igual durante o ano todo. O problema é que a quantidade de regas está diretamente ligada à incidência de sol, que pode ser drasticamente reduzida durante o outono e o inverno. Vale a regra: finque o dedo na terra para sentir a necessidade e águe somente se ela estiver seca. Tome cuidado com a água em demasia para evitar o aparecimento de fungos e o apodrecimento das raízes. Outro cuidado válido é regar pela manhã, para que as espécies façam o degelo, evitando a queima das folhas.



A estufa elétrica aberta: irrigação, luz e ventilação na medida certa (Foto: Divulgação)

5. Crie o efeito de uma estufa

Algumas espécies podem precisar de um ambiente mais úmido, como uma estufa. Para criar esse efeito individualmente na sua plantinha você pode colocá-la dentro de um saco plástico (sem apertá-la, claro). Mantenha assim por 4 ou 5 dias e veja se ela reage.


6. Elimine as pragas

Se as folhas ou o caule da sua planta estão manchados ou parecem fracos, as famosas pragas podem ser o problema. Desequilíbrios térmicos, insolação ou ventilação inadequada, excesso ou escassez de água, uso de tesouras mal esterilizadas e lixo acumulado abrem caminho para a proliferação de lesmas, cochonilhas, pulgões, caracóis e formigas.



Fonte: https://revistacasaejardim.globo.com/Casa-e-Jardim/Dicas/noticia/2016/05/6-formas-de-reanimar-uma-planta-que-esta-morrendo.html

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo